segunda-feira, 8 de outubro de 2012

O Diário de Renesmee IV: Capítulo 8 - Parte II


'O Diário de Renesmee IV' é a continuação da fanfic ‘O Diário de Renesmee’ 'O Diário de Renesmee II e III', e não tem nenhuma ligação com as mini fanfics ‘Tudo o que você sempre quis saber da Família Cullen’ ‘Emmett ensina travessuras a Nessie’.

É indicado que antes de ler esta fanfic você já tenha lido 'O Diário de Renesmee I''O Diário de Renesmee II' e 'O Diário de Renesmee III'.

Sobre os erros de português : Pedimos desculpas pelos erros de português que encontrarem na fanfic e fazemos o máximo possível para arrumar esses erros. Porém, como ninguém é perfeito, pode ser que ainda tenha alguns erros na fanfic.

Sobre ser lançado um livro com a fanfic: A fanfic é baseada na história da Stephenie Meyer e os direitos autorais são todos dela. Não podemos lançar um livro com a fanfic e não temos intenção nenhuma de fazer isso.

Sobre os capítulos : Os capítulos serão postados por semana, e qualquer imprevisto avisaremos nas redes sociais.

Abraços,
Anielle, Melissa e Dhayane.


Capítulo 
Uma grande amizade, um grande amor
Narrado por Renesmee



A tarde passou e eu fiquei o tempo todo “colada” em Jacob. Nós assistimos a um filme, namoramos e cochilamos um pouco. Depois disso, me levantei e me arrumei para ter a conversa misteriosa com Melissa. 

Avisei Jacob onde eu estaria para o caso de que não voltasse, e o ouvi reclamar em forma de sussurro que não se responsabilizaria de eu ir sozinha ao encontro de Melissa, mas era apenas uma ameaça para que eu o levasse junto comigo. Cheguei ao lugar que combinei com Melissa. Era do lado de fora do chalé, em uns bancos em uma praça deserta, por causa do frio. Ela estava no meio da praça, andando de um lado para o outro, e parecia nervosa.

- Oi. – Cumprimentei.

- Oi, Nessie!

- Você está bem? Você parece nervosa. Quer dizer, mesmo para uma vampira. Só não posso dizer que você está pálida...

Comecei a tagarelar, esperando que ela dissesse logo o que tinha para mim, mas ela continuou séria e começou a falar muito rápido:

- Nessie, eu preciso me retratar com você antes de pedir qualquer favor. – Ela começou, e que favor ela iria me pedir? Comecei a divagar sobre isso. – Me desculpe por tratar você tão mal, eu achava que você era uma criança mimada, mas você tem características boas também. Na verdade, acho que tinha inveja de você, pois não fui criada com meus pais.

Ela parou por algum momento, tentando relembrar algumas coisas.

- Quando criança, eu vivi com a minha avó. Meus pais me abandonaram, e logo morreram em um incêndio misterioso. Quando minha avó morreu, eu fui para um orfanato. Nunca fui adotada por ninguém e assim que completei dezoito anos fui expulsa do orfanato, e vivi pelas ruas, até completar vinte e um anos e ser transformada em uma vampira, por um dos Volturi. Marcus, você o conhece?

Eu confirmei, e ela prosseguiu.

- Não quero que pense que sou uma vampira má. Eu sou arrogante, às vezes, pois minha vida inteira foi muito difícil. E agora eu encontrei Seth, e é como se eu tivesse encontrado alguma razão para estar aqui.

- Nossa! – Minha boca estava aberta, de espanto. - Eu não sabia disso. Eu ainda não entendi... Por que você me tratava mal?

- Eu achava injusto. Você é mimada pela sua família, tem tudo o que uma garota deseja... Seus pais são bons e amam você. Mas nem tudo é assim, não é?

- Como assim, Mel?

- Você é casada. Tem seus pais, sua família. Você é uma adulta, mas seu pai e marido são super protetores.

- E dois tios, e um avô, e uma matilha... – Quem não era super protetor comigo depois de tudo o que aconteceu com os Volturi?

Ela riu e continuou o que dizia:

- Eu quero saber uma coisa.

- O que? – Perguntei, curiosa.

- Como está sendo a sua vida com Jacob? De verdade.

Eu pensei um pouco, mas não havia uma resposta diferente para essa pergunta.

- Eu acho que eu não poderia querer mais do que tenho, tudo é perfeito com Jacob.

Seth conversou comigo sobre casamento.

- Como assim?

- Não posso me casar com Seth. – Ela murmurou baixo, e eu quase não entendi. - Eu sou uma vampira, e não uma híbrida como você. Tenho medo do que os Volturi podem fazer contra nós. Não posso deixar que machuquem Seth.

- Mas, é só por causa dos Volturi? Eu acho que não.

- Não. Eu estou com medo. Não queria admitir, mas... – Ela suspirou. – Estou com medo de machucá-lo, e não sei se seria uma boa esposa para Seth.

- Você tem medo de não ser o que ele merece?

- Como você sabe? – Ela me perguntou, fazendo uma careta. Por um momento, eu me senti meu pai adivinhando os pensamentos das pessoas.

- De primeira, assim que Jake pediu minha mão, eu me senti confusa. Mas eu sei que o que eu sinto por ele é de verdade, e é muito intenso, e isso é tudo o que posso oferecer, e foi o que eu ofereci a ele.

- Você se arrepende?

- Nunca!

- Você acha que eu devo me casar com ele?

- Isso só quem sabe é você.

- Como?

- O que você sente por ele é de verdade?

- Com certeza.

- Você gosta muito dele?

- Eu o amo.

- Você quer se casar com ele?

- Sim.

- Aí, está sua resposta...

Ela se levantou e veio até mim e me abraçou, um pouco forte demais, mas eu não liguei. Eu realmente fiquei surpresa com essa atitude dela, e ela ainda cochichou no meu ouvido de forma imperceptível para os humanos:

- Você é uma boa amiga, Nessie. Não sei o que é ter amigos, mas acho que você é uma boa amiga.

Eu conversei com ela sobre o pouco tempo de casada que tive e como está sendo perfeito. Eu achava que Melissa era mais velha e experiente, só que não era bem assim. Mesmo com pouca idade, eu já havia passado por muitas outras coisas que ela. É claro que a vida dela foi mais triste e sofrida, mas ainda sim eu havia tido mais experiências boas do que ruins com minha família e Jacob. Quando comecei a falar sobre o quanto eu amava Jacob e o quanto estar casada e pertencer só a ele era agradável, ela se encorajou e até ficou um pouco animada. 




Minha tia Alice sempre foi uma tia exemplar, me ensinando tudo com o máximo de dedicação. Ela me deu aulas de moda, de como me comportar, de como combinar isso com aquilo e até mesmo de como brigar sem descer do salto. Mas eu só descobri que eu também me parecia com ela quando comecei a ajudar Melissa com os preparativos de seu casamento. Era incrível como eu poderia sentir o sangue de Alice reinar em minhas veias, como se ela transmitido para mim seu gene de organizadora de festas. É claro que Alice não tinha sangue e nem era minha tia biológica, mas família é quem cria, e o nosso laço era mais forte do que tudo. 

Eu e Melissa passamos a noite passada conversando sobre o casamento, exceto quando Jacob veio até a praça para saber se eu estava viva e para a surpresa dele, eu e ela estávamos empolgadas com o papo. Contamos a Jacob sobre o nosso plano: amanhã de manhã, iríamos a uma capela local para marcar o casamento e eles se casariam à tarde, com direito a bolo e a um belo vestido de noiva. Jacob gostou da ideia, e nos apoiou, dizendo que conversaria com Seth e não o deixaria se intrometer enquanto estávamos organizando tudo. 

Na manhã seguinte, acordei com o ronco de Jacob. E dei um tapinha de leve, ainda sonolenta, em seu abdômen para que ele parasse de roncar. Ele murmurou alguma coisa e virou de costas para mim. Eu acabei levantando, pois já era oito da manhã. 

Quando fui ao encontro de Melissa, ela já tinha marcado seu casamento em uma capela pequena perto dali. Então, seguimos para uma loja de vestidos para festa, e começamos a experimentar alguns deles. 

- Não gostei desse. – Melissa afirmou, olhando seu reflexo no espelho. – Possui muito brilho para um casamento à tarde. 

- Eu também acho. Vem cá, olha este aqui. É lindo! – Mostrei um vestido em tom de creme para ela, e a mesma sorriu para mim. Ela foi experimentar o vestido, e eu não encontrava nada que me agradasse, a não ser o vestido que dei a ela. 

- Renesmee... – Ela sussurrou meu nome como se eu tivesse feito algo de bom para ela. – Esse vestido é lindo... 

Olhei para o corpo dela, e o vestido era perfeito. Em tons de creme, possuía um decote em V e tinha alças finas de renda, abaixo era levemente drapeado e moldava o corpo de forma singela. Era perfeito! 

- Acho que encontramos “o” vestido. Não conheço muito bem suas expressões, mas acho que sua cara me diz que devo comprá-lo. – Ela sorriu. 

Nós compramos o vestido, e eu acabei comprando um vestido laranja simples. Fomos a uma floricultura para comprar um buquê de girassóis e depois eu voltei com ela para o chalé para começarmos a nos arrumar, afinal o amor verdadeiro não pode esperar!


Abraços e comentem o que acharam!

22 comentários:

  1. adorei o capitulo e fui a primeira ler

    ResponderExcluir
  2. Muito bom vcs estão cada vez melhor
    felicidades pra vcs e que o proximo venha logo!!!
    D+++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  3. QUE BOM QUE A NESSIE AINDA ESTÁ VIVA!!! *-----*

    O capítulo foi muito, muito bom. Dois erros de português,mas, quem se importa? Ficou super legal.
    Mesmo que a Renesmee esteja consciente no próximo capítulo, eu acho que seria melhor se fosse narrado pela Melissa, porque é o casamento dela e assim transmitiria mais a emoção do momento em questão.


    Agora estou escrevendo uma história chamada "filhos da noite- o renascimento sombrio" ( que coloco no site "fanfiction") e mesmo assim passo por aqui todos os dias só para ver se saiu capítulo novo do diário kkkk

    Parabéns,meninas.

    Mateus Sanches

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mateus!

      Não iriamos de jeito nenhum matar a Renesmee hahaha Obrigada por gostar tanto da nossa fanfic <3

      Evitamos ao máximo erros de português, mas o mais importante é que a história fique com ritmo e faça sentido para todos.

      Olha, lamento te dizer que o casamento de Melissa e Seth será narrado pela Renesmee =/ Porém, a sua ideia de colocar a Melissa como narradora é válida e interessante, o que poderá acontecer em breve, quem sabe?

      Obrigada novamente por acompanhar nossa fanfic e fazer comentários com ideias, críticas e elogios de uma forma bem legal. Ficamos felizes com isso!!

      Abraços, Melissa.

      Excluir
    2. o/

      Ainda bem que vocês não matariam a Renesmee, principalmente sem um fim u_u.

      Erros de português ou de digitação são as coisas mais normais do mundo, só citei para encher o saco mesmo ahahahaha (Humor-negro) o ritmo da história está ótimo e o sentido também (ao menos para mim).

      Quanto ao casamento de Melissa( a vampira,não você), é que eu raciocinei assim : se elas estão surpreendendo o público com o lado humanizado dela, por que não mostrar todo o amor que ela sente pelo Seth graças ao imprinting. Seria algo como da água pro vinho, mas no caso seria "do mau-humor e desprezo imortal ao amor".

      Eu é que agradeço por vocês continuarem com a história, ela me inspira muito para escrever e desenhar ( já fiz uns 5 esboços do vestido e da Melissa ( tirando a parte que esqueci a aparência exata dela porque não achei o diário três)).
      De um certo modo essa história acaba mudando alguns fatos na minha que é quase sobre mim em um mundo paralelo ( onde eu sou bonito e tenho os genes dos vampiros u_u)então, eu novamente agradeço por vocês postarem a história. Isso é muito legal!!

      Abraços do tio Mateus.kkkkk

      Excluir
    3. Awn, é ótimo saber que inspiramos você! Nós agradecemos o carinho e seus comentários!

      Você ainda não achou O Diário de Renesmee III? Na parte de cima do blog, tem uma aba chamada 'Fanfics' ao lado de 'Galeria de Fotos' em verde. Clica lá e você achará todas as fanfics que foram postadas aqui no blog até hoje. Se você quiser, deixa seu e-mail aqui e eu posso te mandar o link certinho.

      Abraços, Mateus!!

      Excluir
  4. amei o capitulo mais eu queria saber quando ela ficará gravida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Que bom que você amou o capítulo, ficamos super felizes com isso!

      No nosso "roteiro" da fanfic, a Renesmee ainda não tem nenhuma pretensão de ficar grávida... Mas não digo para você que isso nunca acontecerá, né?

      Um beijo!

      Excluir
    2. Ficou perfeito!!E como a luanovasz comentou seria muito bom ela ficar grávida uma hora dessas.kkkkkkk
      Abraços.

      Excluir
    3. Obrigada!!!

      Seu comentário e o da luanovaS2 foram repassados para as autoras, vamos ver, né?

      Abraços!!

      Excluir
    4. Obrigada!!Estou ansiosa para os próximos capítulos.Abraços!

      Excluir
    5. De nada! O próximo capítulo sairá essa semana :)
      Abraços!

      Excluir
  5. adorei =D vocês escrevem muito bem!
    quando vai ser o próximo cap? eu tô ansiosa aqui :D

    bjus ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada!

      O próximo sairá essa semana!!

      Abraços!

      Excluir
  6. nossa, vocês escrevem muito bem mesmo (: Parabéns!

    eu tô amando a história e eu queria saber se esse é o último diário da Renesmee, ou vocês ainda vão continuar? Ah, e publiquem logo o próximo capítulo! :D Eu tô morrendo de curiosidade :p

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo elogio, ficamos felizes por vocês, leitores, gostarem da história!!

      Então, nós ainda não conversamos sobre isso :( Esse já é o quarto diário que escrevemos, e não conversamos se pode haver mais um futuramente.
      Assim que soubermos, vamos comunicar a todos, ok?

      Abraços!!

      Excluir
  7. Oi meninas! eu tô adorando a fic *-*
    mas eaí, qnd vcs vai sair o prox capitulo mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Drica, postei o Capítulo 8 - Parte III > http://everythingabouttwilighttd.blogspot.com.br/2012/10/o-diario-de-renesmee-iv-capitulo-8_26.html

      Boa leitura!

      Excluir
  8. quando sairá o proximo capitulo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá anônimo, já saiu!

      Dá uma olhadinha no lado direito do blog que tem o link do Capítulo 8 - Parte III e de todos os outros, ok?

      Se você não conseguir, é só mandar um e-mail para melissapadora_@hotmail.com

      Abraços!

      Excluir

Pedimos que comentem suas opiniões, críticas e ideias com o devido respeito, ou seja, sem palavras obscenas ou grosseiras. Caso contrário, seu comentário será deletado.

Sintam-se a vontade para perguntar e tirar suas dúvidas sobre qualquer postagem do blog. Se quiser que uma resposta de volta, deixe seu e-mail. Abraços!